Player

sexta-feira, 27 de maio de 2016

II PEDRO 2: 22

O cão voltou ao seu próprio vômito e a porca lavada, ao espojadouro de lama. 

II PEDRO 2: 22

MEDITAÇÃO: Os porcos possuem uma tendência natural de se deleitar na lama e isso faz parte da sua natureza. O exemplo citado neste versículo, leva-nos a compreender o seguinte: A nossa natureza humana e pecaminosa precisa ser transformada pelo poder do Espírito Santo e esse processo começa quando abrimos o nosso coração para que Jesus passe a habitar nele. O amor de Deus, sua graça, sua proteção e sua palavra, concedem-nos libertação da nossa natureza pecaminosa e faz de nós novas criaturas lavadas e remidas pelo sangue que foi vertido na cruz do calvário. Quando alguém que experimenta esse processo transformador e regenerador, resolve abandonar a Deus e seguir seu próprio instinto (II Pedro 2:20,21), incorre no erro de sujar-se e mergulhar no caos, como um porco que, depois de ter tomado um bom banho, ao ver a porta de casa entre aberta, escapa e volta para a lama e todo o trabalho para limpa-lo acabou sendo perdido. Jamais permita que Satanás lhe escravize e faça com que você volte para a velha vida onde o pecado sujava suas vestes. Viva a intensidade de alegria e desfrute das ricas promessas de Deus, obedecendo a sua instrução, seguindo seus passos e não dando ouvidos a insensatez de pensamentos carnais. Lute contra isso e será vencedor.

ORAÇÃO: Pai, como é bom estar na tua casa, regenerado, transformado, sendo limpo a cada dia pelas águas da tua palavra, vivendo e desfrutando das tuas delícias, saciando-me com as doçuras que procedem de ti (Salmos 81:13,16). Lança para longe de mim, todos os pensamentos que surgem para tirar-me da tua presença; esconde-me debaixo das tuas asas pois somente assim estarei seguro e protegido. Tu és fiel e jamais permitirá que meus pés venham tropeçar (Salmos 91:11,12). Por tudo isso eu te louvo desde agora e para sempre, Amém.


Sem comentários:

Publicar um comentário